26 de maio de 2010

Tutorial Audacity

1. Apresentação
O Audacity é um editor de áudio livre e fácil de usar, disponível para Windows, Mac OS X e
GNU/Linux. Com ele é possível gravar sons e editá-los, alterando a velocidade ou timbre de uma gravação,
cortando, copiando e colando trechos do próprio som ou de outras fontes, tudo isso em formato Ogg Vorbis,
MP3 e WAV
, além é claro da adição de efeitos, que fica a critério do usuário.
O Audacity, como grande parte dos aplicativos, possui uma infinidade de ferramentas e utilizações,
neste tutorial estaremos vendo as ferramentas mais básicas e também mais necessárias do Audacity.


2. Iniciando o Audacity
Logo que iniciamos este aplicativo visualizamos suas ferramentas mais básicas e uma previa de sua
utilização.
Com o cursor do mouse podemos verificar a funcionalidade de cada ferramenta ali presente, apenas
sobrepondo o cursor e aguardando a descrição.

3. Gravando seu próprio áudio
Após dar uma verificada rápida pela interface do Audacity, está na hora de aprendermos a utilizá-lo.
Para tal, precisamos escolher entre criar um elemento de som ou apenas importar algum já existente.
3.1 Produzindo
Para podermos iniciar o processo de gravação, precisamos escolher uma das formas de
obtenção de som dentre as demonstradas a seguir.



Após verificarmos estes passos estamos prontos para iniciar a gravação.
Clique na esfera vermelha logo acima para iniciar instantaneamente a gravar o áudio.



O áudio em gravação somente será interrompido se o usuário assim lhe requisitar ,
pressionando no botão quadrado amarelo para interromper,



ou nos dois traços azuis para pausar.



Pronto, você acabou de gravar uma faixa de áudio! Para reproduzi-la clique no triângulo verde logo
abaixo das ferramentas.

4. Importando um arquivo de som
Antes de explicar o processo de importação, precisamos tornar clara sua definição.
Importar um arquivo de áudio, é utilizar um arquivo já pronto de áudio em sua própria codificação,
como exemplo temos arquivos MIDI, MP3 e etc.
O processo de importação pode se assemelhar muito ao processo de abrir um projeto já existente,
com uma sutil diferença já mencionada, a ferramenta “Abrir” só inicia projetos do próprio Audacity, ou
seja, faixas de áudio com sua própria extensão, os .AUP.
Para importar uma faixa de som já existente, você precisa primeiramente clicar na ferramenta
“Projeto”, logo em seguida escolhendo a opção “Importar MIDI”, se a faixa de som for em .mid, ou “Importar
áudio” se for em outro formato, dentre os formatos que o Audacity trabalha, são eles: WAV, AIFF, AU, OGG
e MP3.

5. Editando
Para editar sua faixa de áudio, o Audacity possui implementadas varias funções e efeitos distintos e
variados, e de fácil acesso.
Iniciando um processo de edição, você precisa inicialmente selecionar o trecho que você pretende
editar, simplesmente clicando e arrastando o cursor como em qualquer editor de texto e então escolha o
método de edição que melhor lhe convém.
5.1 Efeitos
Escolha o efeito desejado. No exemplo escolhi o efeito “Phaser”.



Após ter escolhido esta opção, uma janela aparecerá requisitando que você especifique os
parâmetros para a edição, são eles: Estágios, DRY/WET, Freqüência, Fase Inicial, Profundidade e
Feedback.
Este efeito, o phaser, divide em fases sua tira de som, determinadas em “x” estágios, ou seja “x” fases. O
medidor DRY/WET demarca o quão intenso deve ser o efeito, onde WET seria o mais “abafado” ou
“molhado” e o DRY “sem efeito” ou “seco”. Já o Freqüência, compreende a freqüência das ondas de som, ou
seja quantos picos e quantos vales devem aparecer em cada estágio ou fase. Fase inicial determina a
curvatura da onda a ser criada e a Profundidade, o quão intensa esta onda deve ser. Por fim o feedback,
que seria o retorno do som sobre ele mesmo, multiplicando assim o efeito.
Mas esta é só um das muitas possibilidades de edição deste programa, talvez não a mais utilizada
mas, com certeza, poderia ser mais uma implementação de seu áudio.
Mais um bom exemplo de efeito, seria o “Remover ruído” que funciona da seguinte forma:
Selecionando o trecho em que existe apenas o ruído e em seguida clicando em “Remover ruído...”,
que está localizado na ferramenta “Efeitos”, uma nova janela se abrirá e nela estarão descritos dois passos:
Perceber Perfil de Áudio, Preview e Remover Ruído.
Clicando em “Perceber Perfil de Ruído”, o Audacity vai classificar o trecho de som que você
selecionou como ruído.
Logo após, selecione toda a faixa de som e, agora, clique em “Remover Ruído”. Removendo assim
todo o som equivalente àquele identificado anteriormente, limpando seu áudio.
Mas existe um pequeno problema, faixas de áudio limpas recentemente, costumam apresentar som
metálico, que é corrigido rapidamente com um leve aumento de graves e uma leve amplificada, outros
efeitos implementados pelo Audacity.
5.2 Manipulando seus dados
A manipulação referida neste tópico seria justamente a mesma de um editor de
texto, onde você pode selecionar, copiar algum trecho e colá-lo em alguma outra parte repetindo-o, ou
simplesmente movendo de um lado a outro, recortando. Podendo apagar um trecho, comprimindo o resto da
faixa automaticamente para que não haja espaços vazios em sua faixa, ou então desfazer uma ação e
refazê-la, tudo isso com a utilização das mesmas teclas de atalho de um editor de texto comum.
Muito bem, como uma situação de exemplo, copiarei um trecho de áudio de uma
faixa de áudio e colarei logo após o fim desta faixa repetindo-o.



1. O trecho é copiado



2. E colado ao fim da faixa. Note como há alguns trechos idênticos.

6. Salvando e Exportando
Ao concluir todas as modificações no seu áudio, você deve salvar seu trabalho. Há duas maneiras
de fazê-lo:
• Salvá-lo como projeto do Audacity (o que permitiria alterações posteriores da mesma faixa de áudio);
• Exportá-lo em algum formato para melhor ser acessado pelo público alvo ( como especificado no inicio).
6.1 Exportando
Para exportar sua faixa de áudio para um formato em que seja possível escutá-la, você deve
primeiramente escolher qual dos formatos melhor se encaixa em sua necessidade. Feito isso, escolha a
mesma na ferramenta “Arquivo”. No exemplo, o formato .wav foi escolhido.



Uma janela aparecerá, pedindo para que você informe o lugar para onde queres exportar seu áudio.
Pronto, você exportou sua faixa!
IMPORTANTE: Para exportar em MP3, pela primeira vez, será preciso um arquivo, o lame_enc.dll.
devido a problemas com autenticidade. Para concluir o processo, o usuário deve, baixar este arquivo,
facilmente encontrado no google.com, requisitar novamente a exportação no formato MP3, procurar o
arquivo no seu computador e então identificar a faixa de som.6.2 Salvando
Para salvar, o processo é muito simples, justamente como o anterior, só que escolhendo
“Salvar Como...” primeiramente, e logo em seguida especificando o local a ser salvo, nota: o formato
a ser salvo será em .AOP, o formato padrão para projetos do Audacity.

7. Encerramento
Com isso encerramos nosso breve, porém prático, tutorial

0 comentários: